Dicas para cancelar um cartão de crédito

Perda, roubo e defeitos. Esses são os motivos mais comuns pelos quais um cartão de crédito deve ser cancelado. Em alguns casos, os cartões não solicitados também chegarão ao seu endereço.

No entanto, por esses motivos ou por qualquer outro motivo, esteja ciente de que você tem o direito de renunciar a este método de pagamento quando necessário.

É importante observar que o processo nem sempre é rápido. Porém, para não se surpreender com as dívidas e despesas deixadas para trás, é necessário aguardar com paciência e cancelar o cartão de crédito corretamente como mostrado abaixo.

Primeiros passos para cancelar um cartão de crédito

O primeiro passo é verificar se há dívidas a serem quitadas. Se você não recebeu a fatura por e-mail ou correio, normalmente você pode fazê-lo através do aplicativo do banco emissor ou operadora.

Se houver alguma dívida, pague antes de solicitar o cancelamento. Lembre-se que o valor a ser pago é calculado alguns dias antes do vencimento do cartão, portanto, as compras realizadas após este horário podem não constar na sua fatura final.

Para pagar em dia, entre em contato com o Atendimento ao Cliente (SAC). É importante ressaltar aqui: o titular do cartão é a única pessoa que pode solicitar o cancelamento do serviço.

Veja as seguintes opções:

  • Você pode ligar para o número de telefone indicado no verso do cartão (geralmente uma ligação gratuita 24 horas por dia) ou pedir ajuda online.
  • Existem algumas organizações que podem fornecer serviços de cancelamento no site.
  • Você também pode solicitar o cancelamento diretamente nas agências bancárias, lojas e centros de serviços financeiros.

Veja dicas para cancelar o seu cartão com segurança

1. Comprovante

Lembre-se de guardar o número do contrato ou comprovante de presença. Esses dados podem ser úteis se você encontrar problemas no futuro (como mau uso de um cartão cancelado).

Dicas para cancelar um cartão de crédito

2. Atenção aos adicionais

Após o cancelamento do cartão de crédito, outros cartões (ou anexados) não serão mais aceitos como forma de pagamento, não se limitando ao cartão do titular. Portanto, lembre-se de notificar outros usuários do serviço sobre o cancelamento.

3. Renegociação

Se você deseja renegociar a dívida com a administradora, ela não pode ser cancelada. Nesse caso, a alternativa é solicitar a suspensão do serviço.

4. Cartão de crédito sem uso

No caso de desistir do serviço, ou seja, se ainda não utilizou o cartão mas pretende cancelá-lo para evitar o risco de utilização indevida, tome cuidado! Alguns bancos aceitam apenas cancelamentos de agências. Você precisa se inscrever pessoalmente.

5. Cancelamento não solicitado

Bancos, lojas e empresas de cartão de crédito podem cancelar sem pedir. Isso acontece nas condições estipuladas em contrato, como faturas não pagas ou uso indevido do cartão.

6. Fatura zerada

O seu cartão de crédito só será cancelado após o recebimento da fatura sem pagamento ou declaração formal da empresa que administra o serviço.

Caso não receba a confirmação, consulte novamente a central de atendimento do banco ou a administradora do cartão. Neste momento, é muito importante saber o número do contrato do pedido de cancelamento.

Caso ainda não consiga cancelar o cartão de crédito, procure o apoio de um órgão de defesa do consumidor, como o Procons ou a Defensoria Pública do estado ou município onde você mora.

Sim, cancelar um cartão de crédito pode ser problemático ou até cansativo. Além da burocracia, você também pode enfrentar a resistência de atendentes ou administradores de bancos, que podem fazer o possível para mudar de ideia.

Isso faz parte do processo. Porém, acredite em mim, a manutenção de serviços que não atendem mais às suas necessidades e ainda podem ser uma dor de cabeça no futuro é muito pior.